Pequenos Grandes Atrasos

Na segunda-feira, o alarme de Aníbal tocou na hora certa. Ele abriu os olhos, fez um esforço para se levantar, mas acabou cedendo à tentação e pressionou o botão "snooze". Ele tinha mais 5 minutos. Abraçou o travesseiro, puxou o edredom até a altura da orelha, gemeu um pouquinho, se aconchegou no lençol... 5 minutos. …

Continue lendo Pequenos Grandes Atrasos

A fábula do deus soberbo e do lago quase proibido

Numa Terra Distante, não importa do quê, viviam deuses. Apesar de serem todos deuses, todos imortais, havia uma hierarquia e havia um manda chuva, um deus no topo. Como todo o seu povo, por serem deuses, se achava muito importante e acreditava que podia fazer o que quisesse, de vez em quando o deus-mor criava …

Continue lendo A fábula do deus soberbo e do lago quase proibido

Era uma casa muito engraçada…

Ninguém sabia, mas Maria morava no metrô há quase 1 ano. Trabalhava como faxineira no turno da noite numa empresa no centro da capital paulista. Com o que ganhava, conseguia alugar um quarto-e-sala num bairro distante na zona sul da cidade. Para ir e voltar do trabalho, gastava cerca de 5 horas por dia utilizando …

Continue lendo Era uma casa muito engraçada…

sobre ser humano, vivo ou morto: incidente em antares

  "Entre vivos e mortos não há mais entendimento possível. Hoje de manhã, quando voltei à minha casa, tive a maior desilusão da minha vida. Encontrei as minhas quatro filhas e os meus quatro genros discutindo a partilha das minhas joias... das joias com as quais eu pedi que me sepultassem. Passaram a noite toda …

Continue lendo sobre ser humano, vivo ou morto: incidente em antares